Skip to main content

Máscaras faciais: descubra como escolher aquela que mais se adapta a si

Para se relaxar depois de um dia movimentado, para preparar a pele para a aplicação do make-up ou simplesmente para se fazer um mimo digno de um salão de beleza: é sempre o momento certo para uma máscara facial! 
Mas como escolher a máscara mais adequada a si? É simples, basta seguir alguns dos conselhos que encontra no nosso mini guia para aprender a orientar-se no modo mágico das estrelas entre os tratamentos para o cuidado da pele. 

Máscaras faciais: uma diferente para cada tipo de pele

Sabe-se que as máscaras não são todas iguais, mesmo como nós. Por essa razão, o primeiro critério para guiar nesta escolha da máscara mais adequada é a autoavaliação da própria pele e das suas exigências. Vamos chamá-lo de “princípio do benefício”: diga como é a sua pele (e as suas necessidades) e diremos-lhe qual é a máscara adequada a si.

1 Se a sua pele é seca: ela necessita de uma máscara hidratante e/ou nutritiva. 
Já na primeira aplicação irá conseguir uma pele mais macia e hidratada, com extrema facilidade.

2 Se a sua pele é oleosa/gordurosa: uma máscara opacificadora é ideal. 
Graças à ação sebo-absorvente específica para este tipo de máscaras, a sua pele ficará imediatamente com um aspeto menos brilhante e com acabamento opaco.

3 Se a sua pele apresenta imperfeições: utilize uma máscara purificante. 
A sua pele ficará imediatamente livre de impuridades e de resíduos de maquilhagem e voltará a resplandecer.

4 Se a sua pele é delicada: escolha uma máscara lenitiva.
Dará imediato alívio, frescura e uma irresistível sensação de conforto à sua pele. 

5 Se a sua pele é normal: dê um impulso de energia contínuo.
Graças a específicos ativos, como o extrato de café e de chá, contidos nas máscaras faciais energizantes ou anticansaço, a sua pele estará pronta para enfrentar todos os desafios.

DICA: 
Tem pele mista (por isso a cada zona do rosto corresponde uma necessidade diferente)? A solução é o multi-masking, isto é, combinar vários tipos de máscaras simultaneamente em específicas zonas do rosto, consoante as necessidades. 
 

Os formatos de máscaras faciais


Aqui entra em jogo a diversão: existem tantos tipos de máscaras faciais e outros tantos formatos, experimente todos (está claro, que devem ficar para a posteridade durante o tempo de espera com um maravilhoso selfie, seguindo o exemplo das influencers no sítio).

Máscaras em hidrogel
-Têm uma estrutura que adere perfeitamente ao rosto e escorrega de forma agradável na pele para uma sensação de bem-estar imediato. 
-A sua textura de gel fresco e leve não pinga e é fácil de aplicar graças à forma com que se adapta ao contorno do rosto.

DICA
Conserve no frigorífico para obter um efeito ainda mais refrescante e será a sua pela a agradecer. 

Máscaras de creme
-Muito simples de aplicar e durante a aplicação, as máscaras de creme não escorregam, não pesam a pele e permitem continuar as próprias atividades quotidianas enquanto agem.
-Podem ser utilizadas sozinhas ou alternadas com outras máscaras de creme para obter simultaneamente mais efeitos nas diferentes zonas do rosto.

Máscaras de tecido
As máscaras de tecido, como as de hidrogel, quando aplicadas aderem perfeitamente ao rosto como uma segunda pele e têm uma textura suave, super confortável. A sua trama foi pensada para reter e depois libertar gradualmente no rosto os princípios ativos da máscara. 

Patch
De hidrogel ou de tecido, os patchs foram estudados para ser aplicados em zonas específicas do rosto e são muito confortáveis de utilizar mesmo em viagem. 

Tratamentos de cuidados para a pele e máscaras faciais: qual é a diferença?

As máscaras faciais e os tratamentos de cuidados para a pele que normalmente faz, além de serem diferentes são... complementares. Para ter uma pele impecável – recordamos, a base absoluta para um make-up perfeito - o ideal seria assim combinar sempre um creme ou um sérum específico à máscara facial, para potenciar ao máximo os benefícios. 

DICA
As máscaras devem ser aplicadas na pele limpa, portanto recorde-se de lavá-la no início e no fim de cada dia com produtos específicos para a lavagem do rosto como leite de limpeza, tónico e água micelar KIKO. 
 

Com que frequência se deve fazer uma máscara facial

Embora cada máscara tenha as suas peculiaridades próprias, mesmo quando se fala de frequência do uso, aconselha-se geralmente aplicar 1-2 vezes por semana, podendo até alternar o tipo. O tempo de aplicação está sempre indicado na embalagem ou na ficha que acompanha o produto (ultrapassar o tempo indicado não aumenta a sua eficácia :D ). 

DICA
Um pequeno truque para quem tem pressa, mas não quer renunciar a cuidar da sua pele? Aplique a máscara durante o tempo de espera do bálsamo ou de um tratamento para cabelos: no duche os poros da pele ficam naturalmente mais dilatados, a pele mais recetiva e terá tempo para tudo!
 

Máscaras aplicadas e o smartphone com bateria: tire uma foto do momento de beleza e partilhe utilizando o hashtag #kikotrendsetters: entre como protagonista no mundo KIKO MILANO.