Perguntas frequentes

Testes em Animais

  • Os produtos KIKO são testados em animais?

    A KIKO não realiza ou encomenda a realização de testes em animais, de acordo com as leis europeias nessa matéria. Para obter mais informações, visite a nossa secção "Não a testes em animais".
  • Porque é que os produtos KIKO não possuem a indicação "Não testado em animais" e o símbolo do coelho a saltar "Livre de crueldade"? Porque é que a KIKO não se encontra na lista de empresas de cosmética registadas na LAV (Liga anti-vivisseção italiana)?

    A União Europeia proibiu a realização de testes de produtos acabados em animais no início da década de 1980.

    Para além disso, a comercialização de produtos de cosmética com ingredientes testados em animais fora da UE é proibida desde março de 2009.

    As diretrizes relativas à aplicação de declarações relacionadas com a ausência de testes em animais, tal como consta na diretiva 2006/406/CE, indicam o seguinte:

    "De acordo com a legislação europeia, a empresa que coloca o produto no mercado não é obrigada a utilizar uma declaração a indicar que não foram realizados testes em animais."

    O logótipo que apresenta o "coelho a saltar - livre de crueldade", cuja utilização requer o registo junto de determinadas entidades privadas, não é obrigatório ou necessário para garantir e atestar o cumprimento das leis existentes.

    De facto, a KIKO adotou como sua própria política específica na matéria, não efetuar qualquer registo junto de entidades privadas e, por conseguinte, não pagar as respetivas taxas anuais de registo e certificação. Desta forma, o principal objetivo da empresa é, em termos de recursos e investimentos, a investigação e desenvolvimento de produtos inovadores seguros para a saúde humana e não testados em animais. Gostaríamos também de salientar que a KIKO, durante o desenvolvimento de novos produtos, não realiza testes de segurança em animais mas efetua todas as verificações apropriadas.

    Para obter mais informações, visite a nossa secção "Não a testes em animais".

  • Os produtos KIKO contêm ingredientes de origem animal?

    Por "ingredientes de origem animal" queremos dizer matéria-prima produzida pelo próprio animal (por exemplo, cera de abelha) ou por processos externos que não excluem a saúde e e segurança (por exemplo: o processo de tosquia).

    O nosso Departamento de Investigação escolhe sempre a alternativa de origem vegetal. Escusado será dizer que até a cera de abelha, normalmente presente na maior parte dos produtos labiais no mercado, é um composto de origem animal, tal como são as cerdas dos nossos pincéis (o pelo é "aparado," tal como se faz para obter a lã para o vestuário).

Top
Fechar